3 de janeiro de 2011

E as comemorações???

Eu gosto de listas, preciso de listas até... mas não quis fazer minha lista para 2011 aqui e nem um balanço de 2010. Quem me conhece ou lê o blog sabe mais ou menos quais são meus desejos pessoais pro Ano Novo. E, apesar de não ter sido exatamente do jeito que eu queria, 2010 foi um ano excelente, um ano de amadurecimento, de coisas boas e de teste de paciência. Sou agradecida e espero que 2011 seja ainda melhor.


Então, por tudo isso, resolvi escrever sobre as festas de fim de ano aqui em Londres. Como foi meu primeiro Natal e primeira passagem de ano longe de casa, foi bem diferente. Bom, a primeira diferença em relação ao Natal é que dia 24 é um dia como outro qualquer. Muita gente trabalha até o horário normal e não tem ceia. O pessoal geralmente faz um jantar em casa ou vai pra algum pub. A festa mesmo acontece no dia 25. No meu caso, passei com a família do namorado. Dia 24 fomos pra casa da irmã dele e nós cozinhamos o jantar. Um risotto de cogumelos maravilhoso. Como a comemoração no dia 25 ia ser lá na casa dela, nós dormimos lá. Daí, de manhã, acordamos e fomos abrir presentes. Gente, preciso falar que, como diria meu pai: rendeu! hahaha - acho que nem quando era pequena eu recebi tanto presente na vida!!! hahaha
Depois o resto da família chegou e fomos almoçar. O almoço é: peru, óbvio, recheado; legumes: cenoura, nabo, batata, couve de bruxelas; yorkshire pudding e muitos molhos. O que eu mais gostei chama Piccalilli, que são vegetais, tipo picles, em mostarda. De sobremesa tinha o famoso Christmas pudding, bolo de chocolate, o bolo de Natal e mince pies. Eles tem também um negócio que chama crackers, que é um canudo amarrado nas duas pontas. Cada pessoa segura uma ponta e dá a outra ponta pra pessoa sentada ao seu lado. Daí você puxa suas duas pontas e a pessoa puxa as dela e abre o canudo. Dentro tem uma lembrancinha, uma piada bem péssima e uma coroa de papel. Depois do almoço, mais troca de presentes com o resto da família. 
Dia 26 é o famoso boxing day e a tradição diz que é o dia que você visita as pessoas com as quais você não passou o Natal junto. Então, por exemplo, é o dia de visitar a vó que não deu pra ver no dia de Natal ou a tia ou uma família amiga. Nós fomos pra casa da mãe do namorado, que fez uma feijoada, bom, feijoada mais ou menos, porque aqui você não encontra todos os ingredientes. Mas estava ótima e aqui devo dizer que eu sou muito agradecida à família dele por todo o carinho. Eles realmente se esforçaram para que eu me sentisse o mais em casa possível e foram ótimos.


No Ano Novo, nada demais. Fomos jantar no chinês e depois pra um pub, fazer a contagem regressiva e assistir os fogos pela tv. A gente ia tentar assistir aos fogos em Waterloo, mas sinceramente li tantas coisas, muitas pessoas falaram que nem era tão legal assim e a idéia de ficar muvucada no meio de tanta gente e no frio.... não me apeteceu. No fim, me arrependi porque os fogos foram lindos e nem tava tão frio assim. Quem sabe no futuro??? No dia primeiro, existe uma superstição que diz que o que você faz nesse dia, você fará muito no próximo ano, então resolvemos fazer um programa cultural e fomos ver a Wallace Collection, que fica perto da estação de Bond Street. Olha, só a casa onde está a coleção já vale a pena, nem que seja pra tomar um chá da tarde no café no pátio da casa, já vale a pena. Eles tem uma das maiores coleções de porcelana da Europa e talvez do mundo. Recomendo MUITO. Recomendo também um café ou chá da tarde ali no café. 


Enfim, o Ano Novo já começou bem :) - espero que continue assim!  

Um comentário:

Mi disse...

Começar o ano na Wallace Collection??? Q TUDO!!!!!!!!!!! Foi um dos lugares q eu mais gostei de Londres :-) Seu ano promete hein??? Desejo muita cultura e momentos mulherzinha p vc!!!